14.2 C
Ponta Grossa
quinta-feira, maio 23, 2024
Divulgação

Operação Rondon de 2024 será na região Centro-Sul do Paraná

O secretário de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Aldo Bona, ressaltou a importância da ação extensionista para a sociedade paranaense

Ponta Grossa
céu limpo
13.6 ° C
13.6 °
13.6 °
77 %
1.7kmh
0 %
qui
24 °
sex
19 °
sáb
12 °
dom
12 °
seg
16 °
Escrito por

Operação Rondon Paraná é lançada para promover atividades de extensão universitária nas áreas de saúde, cultura e inclusão social. A iniciativa, promovida pelo Governo do Estado em parceria com as sete universidades estaduais, visa contribuir para o desenvolvimento sustentável e propor soluções para demandas e desafios das comunidades locais e regionais.

Leia também: Estudantes de PG fazem manifestação contra o novo ensino médio

Continue lendo depois da publicidade:

A edição de 2024 da Operação Rondon Paraná foi lançada na última sexta-feira (5), em Guarapuava, região escolhida para sediar as ações. Cerca de 200 voluntários, entre estudantes, professores e profissionais da carreira técnica universitária, também conhecidos como rondonistas, participarão das atividades, que estão previstas para acontecer no mês de julho.

O evento de lançamento contou com a presença de prefeitos, vice-prefeitos e gestores públicos, que puderam conhecer mais sobre os benefícios da Operação Rondon Paraná para os municípios. Neste ano, as ações extensionistas serão realizadas em até 14 cidades, selecionadas a partir de um grupo de 18 pré-selecionadas.

Entre as cidades escolhidas estão Boa Ventura de São Roque, Campina do Simão, Candói, Cantagalo, Foz do Jordão, Goioxim, Inácio Martins, Mangueirinha, Marquinho, Mato Rico, Palmital, Pinhão, Pitanga, Prudentópolis, Reserva do Iguaçu, Santa Maria do Oeste, Turvo e Virmond.

A Operação Rondon Paraná é coordenada pela Secretaria da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior (Seti) e se baseia no Projeto Rondon, do Ministério da Defesa. A iniciativa oferece uma oportunidade para que professores e estudantes universitários conheçam a realidade das comunidades e contribuam para melhorar a qualidade de vida e o bem-estar da população. A programação incluirá oficinas, palestras e atividades em diversas áreas, como cultura, direitos humanos, educação, saúde, tecnologia, meio ambiente e trabalho.

O secretário de Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Aldo Bona, ressaltou a importância da ação extensionista para a sociedade paranaense, afirmando que a universidade tem o papel de aproximar a comunidade da academia e promover melhorias utilizando o conhecimento e os aprendizados técnicos e sociais adquiridos na vivência acadêmica.

O vice-prefeito de Prudentópolis, Evaldo Hofmann Junior, destacou o papel da Operação Rondon Paraná na promoção da cidadania e do desenvolvimento sustentável e elogiou a iniciativa de levar educação de qualidade e inclusão para as comunidades.

A primeira edição estadual da Operação Rondon Paraná, realizada em 2023, envolveu 372 ações extensionistas, beneficiando cerca de 14.732 pessoas. As equipes de rondonistas percorreram sete cidades paranaenses no litoral e na região metropolitana de Curitiba.

- Anúncio -

MAIS LIDAS NO JC

Aproveite para ler!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Direitos Autorais

.