16.1 C
Ponta Grossa
segunda-feira, junho 24, 2024
Divulgação

Homem rouba celular da ex e termina preso em Castro

Homem é preso por descumprir medida protetiva e cometer roubo contra ex-companheira em Castro

Ponta Grossa
nuvens dispersas
16.1 ° C
16.1 °
16.1 °
71 %
2.4kmh
49 %
seg
25 °
ter
21 °
qua
23 °
qui
22 °
sex
23 °

Colunas

Escrito por

Um homem de 40 anos foi preso pela Polícia Civil do Paraná (PCPR) neste domingo (20), em Castro, acusado de descumprir uma medida protetiva e cometer um roubo contra sua ex-companheira. A ação ocorreu de forma conjunta com a Guarda Municipal da cidade.

De acordo com informações da PCPR, o indivíduo vinha ameaçando e agredindo sua ex-companheira, mesmo após a imposição de uma medida protetiva determinada pela Justiça. Ele teria invadido a residência da vítima anteriormente, roubando pertences pessoais.

Continue lendo depois da publicidade:

A situação se agravou recentemente, quando o suspeito tentou agredir novamente a vítima enquanto ela aguardava o ônibus. Além disso, ele teria golpeado a mulher com um facão e roubado seu celular e cartão bancário.

Após investigações e em uma operação conjunta com a Guarda Municipal de Castro, o homem foi preso preventivamente e encaminhado ao sistema penitenciário.

PCPR alerta sobre como fazer denúncias

A violência doméstica é um grave problema que afeta muitas pessoas em nossa sociedade. Para combater esse tipo de crime e proteger as vítimas, é fundamental que a população saiba como realizar denúncias de forma segura e eficiente. Nesse sentido, a Polícia Civil do Paraná (PCPR) disponibiliza canais de comunicação para que as vítimas e testemunhas possam buscar ajuda e relatar casos de violência doméstica.

Uma das opções para fazer uma denúncia é ligar para o número 197, que é o Disque-Denúncia da PCPR. Esse serviço funciona de forma anônima e está disponível 24 horas por dia, todos os dias da semana. Ao entrar em contato, é importante fornecer o máximo de informações possíveis sobre o ocorrido, como nome do agressor, endereço, características físicas, entre outros detalhes que possam auxiliar nas investigações.

Leia também:

Outra opção é buscar uma delegacia de polícia mais próxima. A PCPR possui delegacias especializadas no atendimento às vítimas de violência doméstica, onde profissionais capacitados estão preparados para acolher as vítimas, realizar os procedimentos necessários e iniciar as investigações. É importante ressaltar que, em casos de urgência ou perigo iminente, a vítima deve acionar imediatamente a Polícia Militar pelo número 190.

- Anúncio -

MAIS LIDAS NO JC

Pode chamar sua atenção! leia:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Direitos Autorais

.