9.4 C
Ponta Grossa
sábado, maio 25, 2024
Imagem: Reprodução / AEN

Frio? Fique atento aos cuidados com os aquecedores a gás

Cuidados com aparelhos são essenciais nos meses mais frios do ano

Ponta Grossa
céu limpo
8.7 ° C
8.7 °
8.7 °
95 %
2.3kmh
0 %
sáb
16 °
dom
13 °
seg
14 °
ter
15 °
qua
14 °
Escrito por

Os meses mais frios do ano requerem cuidados especiais para o aquecimento a gás. Isso porque, com a queda nas temperaturas e, para se proteger do frio, é comum que as residências fiquem mais fechadas e, com isso, há uma menor circulação de ar. Nesse cenário, fica o alerta para os cuidados com os aparelhos a gás e para o acúmulo do monóxido de carbono: um gás tóxico, sem cor nem cheiro, de difícil percepção, e cuja inalação pode ser fatal.

A Companhia Paranaense de Gás (Compagas), distribuidora de gás canalizado do Estado, ressalta a importância da manutenção e revisão periódica dos aparelhos a gás, em especial dos aquecedores de água, e da ventilação permanente dos ambientes. “É fundamental que os aparelhos a gás sejam instalados em áreas que seja possível obter uma ventilação permanente, como nas lavanderias, por exemplo. Além disso, é necessário que a revisão periódica seja realizada pelo menos uma vez a cada 12 meses ou conforme a orientação do fabricante”, destaca o diretor técnico-comercial da Compagas, Fábio Eduardo Morgado.

Continue lendo depois da publicidade:

A atenção também deve ser voltada aos dutos de saída dos aquecedores, que precisam estar sempre desobstruídos, sem sinal de amassamento. “A exaustão e a ventilação são prioridades, uma vez que os acidentes com monóxido de carbono podem ser fatais”, alerta.

A revisão periódica dos aparelhos a gás é essencial. Em seu site, a Compagas mantém uma lista de empresas credenciadas para a prestação de assistência técnica e manutenção de aquecedores: http://compagas.com.br/index.php/residencial/assistencia-tecnica. Os técnicos devem seguir as orientações da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) para as instalações de aparelhos a gás, e por isso é fundamental que as assistências técnicas sejam registradas junto ao CREA (Conselho Regional de Engenharia e Agronomia) e autorizadas pelos fabricantes dos aparelhos a gás.

Seguindo essas recomendações, o uso dos aquecedores a gás é seguro e proporciona maior conforto térmico. Diante de qualquer sinal ou indício de vazamento de gás, é recomendado abrir as janelas para proporcionar a renovação do ar no ambiente, fechar as válvulas do aparelho, não acender luzes, isqueiros, nem ligar o fogão e buscar imediatamente auxílio técnico qualificado. Também é importante aguardar a chegada dos profissionais do lado de fora da residência.

Cozinhas e salas também requerem atenção

Os aparelhos a gás também estão em outros cômodos, como nas cozinhas e nas salas. A cozinha requer um cuidado especial por conta de aparelhos como forno e fogão, que devem apresentar uma chama sempre azulada. Alterações na coloração para vermelho ou amarelo indicam que a queima não está completa e há produção de monóxido de carbono. Ou seja, são sinais de que o aparelho pode estar funcionando de forma defeituosa e ineficiente, consumindo mais gás que o normal. Nesse caso, é necessário chamar a manutenção especializada o mais rápido possível.

Nas salas de estar, ambientes de longa permanência das pessoas, é comum a utilização de lareiras a gás. A instalação deste tipo de aparelho requer uma análise técnica detalhada para que sejam prevenidos acidentes causados pela intoxicação por monóxido de carbono.

A temperatura baixou e o consumo subiu? Faça diferente e economize energia!

Com as temperaturas mais baixas é necessária mais energia para aquecer a água e, com isso, é normal que o consumo de gás seja maior nos meses mais frios do ano. Por isso, alguns hábitos podem ser modificados para dar lugar a ações mais conscientes.

A Compagas dá algumas dicas para um menor consumo de gás e maior economia:

  • Reduza o tempo no banho: a cada 15 minutos você consome quase 1 m³ de gás natural e cerca de 70 litros de água;
  • Ajuste a temperatura no aquecedor para evitar abrir o registro de água fria. Uma temperatura entre 38º e 42º é suficiente para esquentar a água;
  • A cozinha também é local de economia. Cozinhe com as panelas tampadas e ao usar o forno, evite abrir e fechar a porta com frequência.
  • Garanta a manutenção dos seus aparelhos a gás. Assim é possível garantir mais eficiência, segurança e economia na utilização.
- Anúncio -

MAIS LIDAS NO JC

Aproveite para ler!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Direitos Autorais

.