19.8 C
Ponta Grossa
sábado, março 2, 2024

Erros do Facebook revelam dependência dos empresários de PG

Os erros deixaram Facebook, Instagram e Whatsapp totalmente fora do ar o que foi suficiente para acabar com as vendas de alguns comerciantes.

Ponta Grossa
nuvens dispersas
22.7 ° C
22.7 °
22.7 °
62 %
1.7kmh
27 %
dom
31 °
seg
31 °
ter
20 °
qua
21 °
qui
18 °
Escrito por

Na última segunda-feira (4), os aplicativos Facebook, Instagram e Whatsapp ficaram fora do ar durante 6 horas. O tempo foi suficiente para atrasar vendas de pequenas e grandes empresas do município, que utilizam as redes sociais como principal forma de comunicação com seus clientes. Os problemas foram registrados pela primeira vez ao meio dia e permaneceram assim até pelo menos às 19 horas, período em que os sistemas, mesmo que de forma instável, voltaram a funcionar.

Desde o início de sua fama no Brasil no ano de 2012, o aplicativo substitui as ligações celulares e se tornou a principal alternativa para efetuar vendas, mesmo que fora da internet. O empresário Marcio Leandro Andrade é dono de uma loja de Materiais para Construção e conta que 70% de suas vendas são feitas via Whatsapp. “Para nós é muito melhor. Tem cliente que não atende telefone, não olha o SMS”, explicou o empresário. Já para Alecsandra Hypólito, gerente de um hotel da cidade, as falhas no aplicativo fizeram com que o hotel resgatasse o telefone. “Nós fechamos negócios via Whatsapp. Os clientes mais urgentes acabaram tendo que telefonar para o hotel”, relatou.

Continue lendo depois da publicidade:

Para aqueles que vendem seus produtos apenas via redes sociais a situação foi ainda pior. Amanda Lourenço de Souza, que trabalha com vendas no Instagram, alegou que sem o aplicativo toda a sua renda diária foi comprometida. “Recebo em torno de R$50 por semana na plataforma. Eu precisava desse dinheiro no dia que o Instagram saiu do ar”. Amanda ainda contou que passou por maus bocados quando a rede social começou a apresentar os problemas. “Passei horas tentando recarregar a página, no desespero comecei a tentar contatar os clientes via Telegram e Twitter, mas o impacto não é o mesmo”, relatou.

Com a chegada da pandemia, diversas empresas foram fechadas em todo o Brasil, ou seguiram com certa dificuldade,  a alternativa para buscar uma renda paralela, ou mesmo a renda principal, acabou se firmando com as redes sociais. Para muitos o TikTok, Instagram ou Facebook são apenas uma fonte de diversão, para outros, as plataformas se tornaram uma fonte de renda em meio ao desemprego ou à falta de clientes; ou mesmo a alternativa mais fácil e barata do mercado. Diante dos erros, o Facebook se manifestou pedindo desculpas aos usuários. “Entendemos o impacto que paralisações como essas têm sobre milhões de empresas que usam nossos serviços para encontrar e alcançar clientes. Estamos trabalhando para entender mais sobre o que aconteceu para que possamos continuar a tornar nossa estrutura mais resiliente”, informou a nota.

- Anúncio -

MAIS LIDAS NO JC

Aproveite para ler!

Inscrever-se
Me notifique
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja os comentários
Direitos Autorais

.