26 C
Ponta Grossa
segunda-feira, junho 24, 2024

Câmara rejeita moção que pedia que organizadores de acampamento Bolsonarista pagassem por custos

A votação gerou muitos debates acalorados entre os vereadores

Ponta Grossa
céu limpo
26 ° C
26 °
26 °
41 %
7.8kmh
3 %
seg
25 °
ter
20 °
qua
22 °
qui
21 °
sex
26 °

Colunas

Escrito por

Na tarde desta segunda-feira (22) a Câmara de Vereadores de Ponta Grossa votou de forma negativa pela moção de apelo Nº 5/2023. A proposta, apresentada pela Vereadora Josi do Coletivo, pedia que os “apoiadores e financiadores” do acampamento bolsonarista realizado na Praça Marechal Floriano Peixoto, no centro da cidade, arcassem com os custos de manutenção da praça.

Foto oficial da atual composição da Câmara de Vereadores de Ponta Grossa | Imagem: CMPG

Durante a sessão, houve grande polarização entre os vereadores, com argumentos acalorados e tensão no ar. Os parlamentares que pediram direito a fala e foram contra a moção alegaram que a praça é um espaço público e que cabe ao município arcar com os custos de sua manutenção.

Continue lendo depois da publicidade:

Já os vereadores da oposição argumentaram que o acampamento bolsonarista gerou custos extras para a prefeitura, como limpeza e reparos na praça, e que, portanto, os responsáveis pelo ato golpista deveriam pagar por essas despesas.

Moção de Apelo rejeitada

Após intensa discussão, a moção de apelo foi colocada em votação e, por 11 votos a 6, foi rejeitada pelos vereadores. Com isso, a responsabilidade pelo pagamento dos custos de manutenção da praça continua sendo do município.

EM ATUALIZAÇÃO
- Anúncio -

MAIS LIDAS NO JC

Pode chamar sua atenção! leia:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Direitos Autorais

.