15.8 C
Ponta Grossa
quarta-feira, julho 17, 2024

Janine Mathias passa por Ponta Grossa durante a turnê “O Rap do Meu Samba”

Janine foi influenciada por tias, que tinham proximidade com religiões de matriz africana

Ponta Grossa
céu limpo
15.8 ° C
15.8 °
15.8 °
78 %
0.2kmh
0 %
qua
21 °
qui
22 °
sex
22 °
sáb
23 °
dom
23 °

Colunas

Escrito por

A cantora brasiliense radicada em Curitiba, Janine Mathias, fará uma turnê concentrada no Estado do Paraná, de 29 de outubro ao mês de dezembro deste ano. Durante os shows, canções inéditas de seu próximo álbum, ‘Devoção’, serão entoadas para abrir caminhos do registro que será lançado, em 2023, sob a produção musical de Rodrigo Campos.

Janine foi influenciada por tias, que tinham proximidade com religiões de matriz africana | Imagem: Reprodução | UOL

No repertório, uma celebração da cultura preta e do samba, conectando-se também com o soul e hip hop. Faixa a faixa, expõe influências que passam por Leci Brandão e Fabiana Cozza. Dando o tom das noites, “Barracão é Seu” (João da Gente), a autoral “Me Ilumina” e outras importantes composições.

Continue lendo depois da publicidade:

Agenda, batizada “O Rap do Meu Samba”, une, afinal, dois gêneros musicais que identificam também duas pontas da trajetória dela, que é dona de uma voz forte e marcante.

Agenda pelo Paraná

Durante a circulação, que passa por Paranaguá (29/10), Curitiba (19/11), Ponta Grossa (24/11), Londrina (25/11), Guarapuava (07/12) e Pato Branco (08/12), Janine Mathias será acompanhada por uma banda formada por Gustavo Moro, no violão de 7 cordas, responsável também pela direção musical do espetáculo; Nábio Rodrigues, baixo e cavaco; e Serginho Pires, na percussão e nos efeitos. Em Curitiba, Léo Fé e Rodrigo Campos farão uma participação especial.

“A gente está num momento muito importante onde ser artista é uma prova de amor à vida. Acredito que, depois da pandemia, só está na arte quem no fundo ama viver com e por ela. A importância desses palcos vem de conseguir ir ao encontro do público, de cantar a minha própria história, de reexistir e, principalmente, de realizar o espetáculo com toda a estrutura que todo artista merece”, conta.

Confira a matéria completa no parceiro do JC: Notícias Pretas

- Anúncio -

MAIS LIDAS NO JC

Pode chamar sua atenção! leia:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Direitos Autorais

.