18.6 C
Ponta Grossa
quinta-feira, julho 18, 2024

Proibir linguagem neutra em escolas é inconstitucional, defende oposição

Ponta Grossa
céu limpo
16.7 ° C
16.7 °
16.7 °
78 %
0.7kmh
0 %
qui
21 °
sex
22 °
sáb
22 °
dom
22 °
seg
23 °

Colunas

Escrito por , ,

A lei foi aprovada na integra pela prefeita Elizabeth Schmidt (PSD), e proíbe o uso da linguagem neutra na grade curricular e materiais didáticos da rede pública e particular de ensino. O projeto de lei foi aprovado, ainda em agosto, na Câmara dos Vereadores; foram 12 votos favoráveis.

A lei, de autoria dos vereadores Leandro Bianco (Republicanos) e Pastor Ezequiel Bueno (Avante) defende que existem apenas os pronomes femininos e masculinos. A linguagem neutra é usado para pessoas que se identificam como não binárias – Pessoas que não se identificam como masculino ou feminino.

Continue lendo depois da publicidade:

Em momento algum a parada LGBTQIA+ de Ponta Grossa defendeu que a linguagem deveria ser ensinada nas escolas. Algumas organizações contrárias a decisão defendem que a lei é inconstitucional. Maiores informações no material em áudio.


Esse e outros boletins fazem parte do programa Princesa News e são veiculado diariamente na rádio comunitária Princesa.

Ficha Técnica:
Repórter: Kathleen Schenberger
Revisão: Lucas Ribeiro
Edição: Lincoln Vargas

- Anúncio -

MAIS LIDAS NO JC

Pode chamar sua atenção! leia:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Direitos Autorais

.